quarta-feira, 31 de julho de 2013

Momento de Fé:'Ele" esteve no meio de nós !

O Brasil mostrou, com a vinda do Papa Francisco, porque é o maior pais católico do mundo . A foto traduz o mais puro momento de fé. Não é para menos, afinal  "Ele" esteve no meio de nós!

segunda-feira, 29 de julho de 2013

DPEDI marcando presença mais uma vez : Compromisso e Dedicação reconhecidos!

Formaturas de Medicina - Solenidades 
 Aula da Saudade/Descerramento da Placa
O Departamento de Pediatria (DPEDI) marcou presença mais uma vez nas Solenidades de Formatura do Curso de Medicina da UFRN, Turma concluinte 2013.1. Foram homenageados a secretária aposentada Kátia Azevedo, o Professor e atual coordenador do Internato em Pediatria I (PED I), Prof. Leonardo Moura, e a ex- Profª Vanessa Pache. Após a aula da Saudade e o Descerramento da Placa, os homenageados "pousam" para a foto ao lado da Placa Descerrada e com as suas respectivas homenagens. É mais uma vez, o reconhecimento do Compromisso e da Dedicação daqueles que fazem o DPEDI junto aos seus alunos!

sábado, 27 de julho de 2013

Pediatras: Um verdadeiro "Exército" de heróis e guerreiros. Parabéns pelo seu dia - 27 de Julho

O Blogger "Pediatria em foco" parabeniza a todos os PEDIATRAS pelo seu dia comemorativo. Com dedicação, amor e carinho, superam barreiras. Formam um verdadeiro "Exército" de heróis e guerreiros em prol de um único objetivo: o bem estar, o cuidado e a saúde das nossas crianças!

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Mais um "Produto" PED I

Mais uma vez, o Blogger "Pediatria em foco" volta a postar "Produtos" PED I originários de Projetos de Intervenção apresentados no Internato em Pediatria I (PED I) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). É mais um Cartaz, cuja temática em destaque, é a prevenção de acidentes na infância.

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Atendimento "humanizado" e "humanescente" !

Mais um "flagra" no Internato em Pediatria I (PED I)  da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Após o seu atendimento humanizado e humanescente ,a ex- doutoranda Deciara Jacome  ,  ganha um beijo do pequeno aprendiz de médico.

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Dermatose bem comum na infância!

O Blogger "Pediatria em foco" retorna com mais um "Diagnóstico Visual",  agora com  uma dermatose bem comum na infância.
Qual o provável diagnóstico?

domingo, 21 de julho de 2013

Lançamento!

Dentro em breve, será lançado o Dermatologia pediátrica - Guia de consulta rápida, um manual elaborado por estudantes e professores do Curso de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Prático, até no tamanho ("de bolso"), traz as principiais dermatoses da infância, com uma abordagem bem didática e objetiva.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Desconforto Respiratório Neonatal

Acervo  PED I - Seminários 
Este foi mais um Seminário apresentado no Internato em Pediatria I (PED I) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que o Blogger "Pediatria em foco" posta com exclusividade. O tema, Desconforto Respiratório Neonatal, é de grande importância face a prevalência deste distúrbio nos recém-nascidos. 

segunda-feira, 15 de julho de 2013

"Mais médicos para curar o governo"

Após um longo período, o Blogger "Pediatria em foco" retorna ao marcador "Crônicas". Desta vez, para postar um belo texto de autoria do atual e do ex Presidente Presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP),  Prof. Eduardo da Silva Vaz e Dioclécio Campos, recentemente publicado (13/072013) no Correio Brasiliense.
Mais médicos para curar o governo
» DIOCLÉCIO CAMPOS JÚNIOR
Médico, professor emérito da UnB, ex-presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria, representante da SBP no Global Pediatric Education Consortium (dicamposjr@gmail.com)


» EDUARDO DA SILVA VAZ
Médico, presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria


O governo está sem rumo. Tenta iludir, não consegue. Recorre à propaganda promocional com dinheiro público. Perde, porém, o prestígio que acreditava intocável. Apostou na ingenuidade do povo brasileiro. Investiu no espetáculo, no circo, distribuiu pão. Acreditou na magia de inúmeros coliseus erguidos para fascinar supostos rebanhos. Não reverteu a explosão da consciência nacional. Ficou claro que a sociedade não se deixa levar por engodos que apostam na oligofrenia de sua gente. 

O chamado núcleo duro, leia-se cúpula que comanda, ignora o sentimento dos brasileiros. Persiste no desrespeito ao cidadão. Fecha os ouvidos à voz do povo. Desdenha clamores por direitos renegados. Com arrogância ditatorial, simula estar falando em nome do pensamento coletivo. São estratégias de reeleição, único objetivo que quer alcançar a qualquer custo. 

As ações anunciadas insultam os valores da cidadania. Prova maior é o programa Mais médicos. Além de basear-se em argumentos improcedentes, viola direitos fundamentais. A interiorização de médicos é indissociável da interiorização de condições para o exercício da medicina. Do contrário, frustram-se expectativas de quem vive nos bolsões de miséria ou na pobreza batizada de classe média. Mandar somente médicos, e despreparados, para rincões humilhantes que mancham a bandeira nacional é atitude de quem está enganado ou querendo enganar. 

O que o povo reivindica é “saúde padrão Fifa”. Não basta enviar jogadores e técnicos para disputarem as partidas da Copa. É preciso construir estádios de qualidade, setor hoteleiro digno, transporte coletivo decente, e qualificar recursos humanos para atendimento que o público merece. Iguais requisitos devem ser também incluídos em projetos formulados para a saúde. A população consciente não se ilude com medidas paliativas. Exige qualidade. Requer construção de unidades de saúde modernas, bem equipadas e de fácil acesso a todos, como os estádios. Quer mobilidade aérea para portadores de doenças graves a fim de que sejam tratados nos mesmos centros de que se servem os governantes. De nada vale contratar médicos mal formados ou ainda em formação para encenar atendimento aos carentes. Puro descaso. 

A maior parte das doenças dos pobres é produzida pelas condições de pobreza em que nascem, crescem e sofrem. Uma forma de tortura social a que são submetidos sem cessar. A presidente da República bem o sabe. Entende de tortura. Médico não é profissional para tratar de torturados a fim de que sigam sobrevivendo na mesma masmorra. A ação que realmente resolve tal ignomínia é o fim da tortura. Chega de manter brasileiros na masmorra social. Libertação humana verdadeira não é humanização do SUS, entendida pelos gestores como “cubanização” da medicina. 

Moradia decente, água potável, rede de esgotos, higiene ambiental, segurança, nutrição saudável, escola de alto nível são as exigências de que a “Fifa da saúde nas ruas” não vai mais abrir mão para realizar a Copa da reeleição em 2014. Médico não faz tratamento da água, não constrói casas, não entende de esgoto, não mata mosquito, não asfalta ruas, não higieniza ambiente. O máximo que sabe fazer é tratar das vítimas da tortura social, o que é eticamente discutível. 

Por tudo isso, o Congresso Nacional há de exercer seu papel. Não pode ser cúmplice de mistificação reeleitoreira, de cunho ditatorial. O governo não ouve opiniões nem sugestões de quem entende de assistência médica qualificada. Não respeita a autonomia das universidades. Não valoriza a residência médica, mecanismo de capacitação profissional criado no Brasil desde a década de 1960, representando o pouco que ainda resta de perspectiva concreta para a adequada capacitação do desempenho médico no país. Não respeita o direito dos cidadãos aos mesmos recursos de saúde que privilegiam os ocupantes do poder. 

Medicina não é sacerdócio. É profissão, a despeito de ainda não legalmente regulamentada no país. O governo não a aceita como carreira de Estado, modelo de países desenvolvidos. Insiste em banalizá-la, obrigando agora o estudante a atuar como médico no âmbito das masmorras sociais. Não é assim que se forma profissional qualificado. Não é assim que se promove a saúde das pessoas carentes de tudo. 

O ministro da Educação diz que a medida visa humanizar a medicina. Aborda assunto que escapa à sua competência. O ministro da Saúde afirma que há médicos em lugar errado. Certamente fala de si mesmo. A doença que acomete o governo é grave. Mitomania. Mais médicos não vão curá-la.

domingo, 14 de julho de 2013

O espetáculo vai recomeçar: Internato Medicina UFRN

Amanhã, dia 15/07/2013, o Internato do Curso de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), reinicia seus trabalhos acadêmicos. A Clínica Médica, Cirurgia, Ginecologia, Saúde Coletiva, Infectologia e Pediatria, inicialmente receberão seus alunos no Auditório da Faculdade de Farmácia. Depois, cada Internato terá sua reunião individualizada com os respectivos coordenadores. É o espetáculo que recomeça, e o Internato em Pediatria I(PED I)  mantém a mesma  garra e determinação, focado nos seus 4 pilares fundamentais: Compromisso, Dedicação, Humanização e Ciência. 

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Case Report- Hespes zoster acquired in utero

O Blogger "Pediatria em foco" priorizando e reforçando o seu conteúdo científico, cria um novo Marcador, o Case Report, com o objetivo de apresentar relatos de casos clínicos publicados em revistas e periódicos internacionais. O primeiro deles: Hespes zoster acquired in utero.

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Blogger da Liga Acadêmica de Pediatria da UFRN - LAPED UFRN

A Liga Acadêmica de Pediatria da UFRN - LAPED UFRN, já tem o seu Blogger Oficial. É o lapedufrn.blogspot.com. É uma forma de divulgar a própria Liga e os trabalhos nela desenvolvidos, além ser um fonte de pesquisa. Nele há postagens de fotos, aulas, artigos científicos e outras curiosidades. Vale à pena conferir o Blogger da LAPED UFRN!

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Adeus PED I : agora só lembranças e saudades...

Momento "Despedida"
Deciara, Thalita, Flávio, Wilker, Beatriz, Duanna, Helano, Thiago, Mário, Vital, Joaquim, Gabriela, Flávia, Ithalo, Weligton e Francilberto. Esta foi a turma de doutorandos 2013.1.3 que acabou de passar pelo Internato em Pediatria I (PED I) . Final de estágio bastante prazeroso, com direito a "Despedida" a base de muito refrigerante e bolo "Personalizado" PED I. Na foto, todos os doutorandos presentes (exceção de Francilberto), juntamente com a Chefe do Departamento de Pediatria  (DPEDI) da UFRN , Profª Áurea Nogueira, o Coordenador do PED I, Prof Leonardo Moura e o Secretário do Departamento, Romildo Aguiar. Uma turma de alunos bastante interessada no aprendizado da Pediatria. Na verdade, uma "Galera gente boa ",  que segue em frente em outros Internatos, afinal de contas, o  PED I para eles, se foi, já era. Agora só lembranças e saudades...

domingo, 7 de julho de 2013

Mais uma novidade: o "Bolo" PED I

O Internato em Pediatria I (PED I) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)  continua no seu espírito inovador , e cada vez mais , reforça a sua Auto - Imagem. Além do Slogan, do Banner, da Foto, do Crachá, da Camiseta, da Pasta, do Blogger, aparece agora mais um produto personalizado: o "Bolo" PED I.  Esta foi a grande surpresa apresentada pela turma de doutorandos 2013.1.3, por ocasião  da sua despedida do Internato. Uma idéia fantástica. O Bolo PED I estava tão bonito, que a princípio, houve certa relutância em parti-lo. Perfeito em todos os aspectos e detalhes: no sabor, e nas estampas da Logo e do Slogan. Sem dúvidas, esta foi mais uma novidade. Coisas do PED I...

sexta-feira, 5 de julho de 2013

Formaturas de Medicina - Convites

Este é o Convite Virtual da formanda Daniele Macedo, que em poucos dias, se tornará mais uma médica diplomada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Daniele é concluinte do Curso de Medicina (2013.1), Turma Hospital Universitário Onofre Lopes "Aqui todos se tornarão iguais e para todos haverá lugar". Com certeza será uma brilhante profissional, melhor dizendo, uma grande PEDIATRA. De forma antecipada, o Blogger "Pediatria em foco" deseja a ela e aos demais formandos, os votos de muita felicidade e muito sucesso nesta nova etapa de suas vidas. Parabéns!

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Vacinação

Ministério da Saúde incorpora vacina contra HPV ao SUS
O Ministério da Saúde anunciou nesta segunda-feira (1) a incorporação ao Sistema Único de Saúde (SUS) da vacina contra o papilomavírus (HPV), usada na prevenção de câncer de colo do útero. É a primeira vez que a população terá acesso gratuito a uma vacina que protege contra câncer.
Já em 2014, meninas de 10 e 11 anos receberão as três doses necessárias para a imunização A vacina que estará disponível na rede pública é a quadrivalente, usada na prevenção contra quatro tipos de HPV (6, 11, 16 e 18). Dois deles (16 e 18) respondem por 70% dos casos de câncer.
ESTRATÉGIA DE VACINAÇÃO - As três doses serão aplicadas, com autorização dos pais ou responsáveis das pré-adolescentes, de acordo com o seguinte esquema: após a aplicação da primeira dose, a segunda deverá ocorrer em dois meses e a terceira, em seis meses

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Avaliação do Internato

Internato em Pediatria I: "Prestando Contas" 2
Nos últimos dias 18 e 19 de junho, o Departamento de Pediatria (DPEDI) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), realizou mais uma Oficina de Avaliação e Planejamento. Novamente, a Coordenação do Internato em Pediatria I (PED I), "prestou as suas contas", apresentando um relatório das atividades desenvolvidas no 1º semestre de 2013, além do planejamento para a 2ª metade do ano. Com imensa satisfação, O Blogger "Pediatria em foco inicia o mês de julho postando esta "Prestação de Contas", na verdade a de nº 2. Assim como a primeira, esta também vale a pena ser conferida! Bem interessante...